MARINE TRAFFIC

terça-feira, 25 de agosto de 2015

SAAM SMIT TOWAGE BRASIL RECEBE O 'SST HOLANDA'



 24-08-2015 11:08

Escrito por Redação
Publicado em Indústria naval e offshore


A Saam Smit Towage Brasil (SST) recebeu em 17 de agosto o último rebocador de seu mais recente programa de construção. O "SST Holanda", um rebocador azimutal de 61 toneladas de Bollard Pull foi construído pelo estaleiro Inace de Fortaleza (CE) com apoio financeiro do FMM/BNDES, e deverá operar no porto de Santos.

O "SST Holanda" é da mesma classe do "SST Chile" , também construído pelo Estaleiro Inace, entregue em janeiro. A SST Brasil recebeu recentemente outros seis rebocadores construídos pelo estaleiro Keppel de Itajai , estes com apoio financeiro do FMM/Banco do Brasil. Foram os rebocadores "Smit Pataxo", "Smit Pareci", "Smit Panará", "SST Potiguar", "SST Paete" e "SST Parintins", entregues entre junho de 2013 e janeiro de 2015.

A frota da SST Brasil conta hoje com 42 rebocadores azimutais operando nos portos de Santana, Santarem, São Luís, Suape, Salvador, Vitória, Sepetiba, Angra dos Reis, Santos, Paranagua, Itajai e Rio Grande.

A SST Brasil é uma empresa controlada pelos grupos Boskalis da Holanda e Saam do Chile.

A empresa está agora na fase final de aprovação junto aos acionistas para iniciar um novo programa de construção, que deverá contemplar ao longo dos próximos anos a construção de mais 12 novos rebocadores com Bollard Pull entre 70 e 80 toneladas.



Estes novos rebocadores permitirão a SST Brasil consolidar sua posição no mercado, e expandir suas operação através da abertura de novas filiais.

domingo, 12 de julho de 2015

quarta-feira, 3 de junho de 2015

Imagens do dia

> Imagens enviadas pelo comandante Emerson Pascicenai.

Racionalização mercado ganha velocidade

26/03/2015 
Retirado de: Tug Tecnologia & Negócios 1º Trimestre de 2015


Dois dos líderes de mercado no sector do reboque do porto no norte da Europa, Kotug Internacional e Royal Boskalis Westminster, está planejando a fusão de suas operações na região. Um memorando de entendimento foi assinado e isso deverá levar à criação de uma joint venture 50-50 entre Kotug ea controlada Boskalis totalmente detida, Smit. Supondo que as aprovações regulatórias necessárias são dadas, o negócio se fundiu irá fornecer serviços de reboque do porto em um total de 11 portas, em ....